Património Construído

Prado Gatão testemunha a existência de um conjunto vasto que revela ainda a riqueza arquitectónica local e da região. São exemplo disso alguns equipamentos religiosos que marcam o quotidiano das gentes que por cá vivem e que por cá passam. A igreja Matriz localizada no local mais elevado de todo o conjunto de construções,  continua a ser hoje o ponto de encontro principal das gentes, ao Domingo na Missa.

Como é perfeitamente visível nas fotografias do meio e do lado direito, a Igreja Matriz foi sujeita a obras de beneficiação ao longo do ano 2001. Essas obras incluíram também o interior. A Junta Fabriqueira, constituída pelo Sr. Padre José Maria Pires (Presidente), pelo Sr. Custódio Marcos (Secretário) e pelo Sr. José Galvão ( Tesoureiro), conseguiu através de um Projecto dirigido ao Exmo Sr. Director do Núcleo Regional de Coordenação dos Gabinetes de Apoio Técnico do Porto, candidatar-se a verbas do fundo Europeu. Foram contemplados com 5.920 contos. No final o dinheiro não foi suficiente, mas contaram com o apoio do Sr. Presidente da Câmara Municipal de Miranda do Douro, que com materiais e mão de obra, deu um contributo decisivo para a conclusão das obras. É devido à ousadia, à tenacidade e ao querer da Junta Fabriqueira, que    a aldeia tem o seu património melhorado, sendo algo de que todos se podem orgulhar. Obrigado

 

 

A Capela de Santo Cristo, está localizada provavelmente no que seria em tempos, o principal ponto de encontro das pessoas e que ainda é marcada por uma envolvente construída com características que lhe dão ainda um ar de um Largo ou de uma Praça ,claramente definida e delimitada por essas construções.

 
  Capela de Santo Cristo

As rochas que predominam são os xistos, mas há importantes afloramentos graníticos  nas zonas mais altas. Por isso nesta aldeia surpreendem as construções erguidas e integradas no meio natural, fazendo uso desses materiais da região e aproveitando o melhor possível as características do relevo.

Algum desse património construído é, ainda hoje, autêntico  museu  vivo  pela presença das pessoas que o habita, mas sobretudo porque ainda se cultiva a vizinhança solidária e o trabalho comunitário, principalmente nas vindimas. Nos tempos longínquos, a sementeira e principalmente a ceifa.

Casa Senhorial Pátio e fachada Casa típica

 

Casa típica Rua de Caminho de Sendim Rua de Santo Cristo

 

Prado Gatão, como grande parte das aldeias desta zona e não só, foi marcado pelo assentamento de uma família importante e de grande importância,  reflectindo algumas características aristocráticas e que marcaram também a localidade através da construção das casas mais ricas do período, com omatos simples de sóbrias escadarias.

Outras demarcam-se por apresentarem uma sobriedade exemplar e empregarem o xisto como material principal na sua construção.

De um modo geral todas apresentam uma entrada caracterizada pelo grande portal de madeira, para um curral e que era não só o acesso à casa das pessoas, mas também o acesso à corte dos animais, normalmente localizada no rés-do-chão da construção.

No primeiro andar localizava-se, então, a habitação e o acesso era normalmente feito por uma escada exterior que ligava a um alpendre e através deste, fazia-se o acesso à casa através de uma porta de madeira com postigo.(ver Descrição)

O pavimento destas habitações é em soalho de madeira e através das suas "frinchas" vem o vapor dos animais que é a forma de aquecimento das habitações, por vezes mal isoladas e quando se fazia o revestimento das paredes exteriores, pelo lado de dentro, ou interiores normalmente construídas em tabique, era com barro ou mesmo bosta de animal. Estas casas são também caracterizadas pela presença de um forno onde as mulheres coziam o pão, normalmente localizado na cozinha. Era usado por vezes pelas vizinhas ou familiares, aproveitando igualmente para cozer, pois nem todas as casas o tinham.(ver Tradições)

 

Existem cinco Bicas iguais a esta e encontram-se todas em funcionamento.

Bica da Igreja
Bica da Praça
Bica do Caminho de Sendim
Bica do Caminho da Fonte
Bica do Santo Cristo
Este é sem dúvida o Chafariz mais emblemático da aldeia. No entanto as quatro entradas/saídas da aldeia estão munidas de um chafariz cada.

Voltar